Compartilhe nas redes sociais

Empréstimo Consignando para Aposentados « Voltar

Consignado
Empréstimo Consignando para Aposentados

Tipos de aposentado do INSS

Atualmente, há 4 tipos de aposentadoria que garantem o recebimento do benefício do INSS. São eles:

  • por idade;
  • por tempo de contribuição;
  • por invalidez;
  • especial;

Idade

Para se aposentar por idade, é necessário que o contribuinte urbano tenha: 65 anos, se for homem, ou 60 anos, se for mulher. Além disso, deve ter contribuído com o INSS por pelo menos 15 anos (180 contribuições).

Já para os trabalhadores rurais, o cenário é um pouco diferente: 60 anos, se for homem, ou 55 anos, se for mulher. É necessário que o contribuinte seja capaz de comprovar (por meio de notas fiscais, contratos, entre outros) pelo menos 15 anos de trabalho no campo — apesar de não ser necessário ter contribuído por 15 anos, como no caso dos trabalhadores urbanos.

Tempo de Contribuição

Aqui, o que é levado em consideração na hora de pedir pela aposentadoria não é a idade, mas sim o tempo total trabalhado, devendo ser: 35 anos para homens ou 30 anos para mulheres. É bastante comum que os trabalhadores cheguem à idade específica antes de acumularem os anos de trabalho, então acabam optando pelo tipo anterior.

Invalidez

O caso da aposentadoria por invalidez é um pouco diferente. Pode solicitar quem não tem mais a capacidade de exercer nenhuma atividade remunerada, isto é, aqueles que tenham sofrido algum acidente ou que tenham sido acometidos por alguma doença que os impossibilitem de trabalhar.

Como é um caso subjetivo, uma perícia do próprio INSS avalia se o contribuinte realmente tem direito a se aposentar por invalidez ou não. Em um primeiro momento, ele recebe um auxílio-doença e, se durante este período a análise da perícia comprovar a invalidez, o trabalhador terá sua aposentadoria concedida — isso quer dizer que este tipo de aposentadoria não é propriamente solicitado, mas concedida após uma análise médica.

Um ponto importante: para ter direito à aposentadoria por invalidez é necessário ter contribuído por pelo menos 12 meses — a exceção é acidentes de trabalho, ou seja, mesmo que seja o primeiro emprego do trabalhador, caso sofra um acidente que o impeça de exercer atividade remunerada, terá o benefício concedido.

Além disso, trabalhadores que começarem a contribuir depois de já serem portadores da doença ou da lesão que os incapacita terão o direito a este tipo de aposentadoria negado.

Especial

Por fim, existe a aposentadoria especial, que diz respeito àqueles trabalhadores que, durante seus empregos, tenham sido expostos a agentes nocivos, que prejudicassem sua saúde ou integridade física. No entanto, para solicitar este tipo é necessário apresentar um laudo médico que comprove essa exposição. O tempo de contribuição ao INSS necessário para a concessão do benefício dependerá do grau de insalubridade da atividade exercida.

Consulta ao banco sobre os benefícios

Para se aposentar com tranquilidade e garantir o recebimento do seu benefício do INSS, é necessário consultar o seu banco para saber se este atende às suas necessidades. Nem todos os bancos têm convênio com o INSS e, por isso, é importante conferir quais tipos de benefícios são atendidos. Assim, você garante desde já que não vai ficar na mão, sem receber o seu dinheiro.

Aproveitando o tema aposentadoria, você sabia que o empréstimo consignado é uma opção especial para o aposentado do INSS? Caso não saiba do que se trata, confira aqui tudo o que precisa saber sobre o assunto!